quinta-feira, 9 de novembro de 2017

Bolsonaro é condenado em R$ 150 mil por declaração contra gays


O Deputado Federal e presidenciável Jair Bolsonaro (PSC-RJ) terá que pagar R$ 150 mil ao Fundo de Defesa dos Direitos Difusos – órgão vinculado ao Ministério da Justiça – por ter feito declarações consideradas homofóbicas no programa CQC, exibido na TV Bandeirantes até 2015.


Por três votos a dois, o parlamentar foi condenado em ação de danos morais ajuizada na Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ). Ainda cabe recurso ao Supremo Tribunal Federal (STF).

Nenhum comentário:

Postar um comentário